Ritual Menor do Pentagrama

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Malux em Ter Out 19, 2010 10:28 pm

Oi, decidi postar o ritual menor do pentagrama, pois na minha opinião considero um ritual imprescindível.
Estou certo que alguns de vocês já praticam regularmente ou talvez não.

Existem várias variantes do ritual menor do pentagrama, esta é apenas uma delas.
Esta é a minha versão pessoa.
Eu fui lendo de várias fontes e fui aperfeiçoado a minha medida.

Primeiro um pouco de teoria, passem logo a pratica se for preciso pois é o mias importante.
Eu aconselho a fazerem-no pelo menos dia sim dia não, e se poderem todos dias.
Cada mais o praticarem melhor dominaram, e os efeitos deste ritual se mostraram com o tempo.

De forma resumida os propósito do ritual menor do pentagrama são:

1. Equilíbrio (Liber Librae se estende mais sobre o assunto);
2. O desenvolvimento do Corpo de Luz;

NOTA: Para ver sobre corpo de luz consultar http://en.wikipedia.org/wiki/Subtle_body .

Num sentido o ritual menor do pentragama é serve para proteger o neófito contra forças atrais opositores que talvez o prejudiquem ou o aborreçam, e também serve para o neófito ter alguma ideia como atrair e entrar em comunicação com coisas espirituais e invisíveis.

No ritual menor do pentagrama usamos o elemento terra porque é a síntese dos outros três elementos primárias (Fogo, Água e Ar).
Assim, olhado desta perspectiva, enquanto trabalhas com elemento terra de uma forma geral, tu também afectas os outros três elementos.
Com o ritual menor do pentagrama só afectas os elementos de forma geral, por isso ele é próprio para trabalho elemental mais geral e menos importantes. Quando queres uma operação mágicka mais elaborado e invocar elementos mais especificamente usas antes o ritual supremo do pentagrama.


Originalmente na Golden Dawn os pentagramas do rmp eram visualizados em branco. Estes são os pentagramas espirito do espirito e se referem a energia trazida de Kether.
O ritual menor do pentagrama invoca luz e bane luz, faz entrar e sair luz conforme se invoca ou bane.

NOTA: Aconselho a não seguir as versões pós gold dawn em que os pentagramas e arcanjos são visualizados de outra cor.

Os pentagramas podem ser vistos como uma referência a Geburah, enquanto os nomes divinos de quatro letras podem ser vistos como uma referência a Chesed. A união e balanço das energias de Geburah e Chesed serve atingir Tifaret atravês da prática diária.



O magistra que faz o ritual menor do pentagrama trabalha em Yetzirah ou no mundo astral, traz as energias de Atziluth (espirito) para Assiah (mundo fisico).

O ritual menor do pentagrama é mais um ritual espiritual do que um ritual mágicko porque nós apenas trazemos a luz de Kether (espirito divino) para nós, enquanto o ritual supremo do pentagrama é mais um ritual mágicko do que espiritual porque é desenhado para especificamente afectar os elementos aqui em Malkuth (mundo material).
Pode parecer um contra-senso um ritual orientado ao Kether ser ensinado a um neófito, e um ritual orientado a malkuth ser ensinado a um adepto, mas a ideia é que o crescimento espiritual é um pre-requisito importante para fazer trabalhos mágickos.
O ritual menor do pentagrama é desenhado para causar crescimento espiritual interior, antes de o iniciado afectar o mundo a sua volta com as operações mágickas.





Ritual Menor do Pentagrama


O ritual é composto por três partes diferentes, a cruz cabalística, o desenho dos pentagramas e a invocação dos arcanjos.


0. Visualiza tu a ficares cada vez maior e mais alto, até seres muito maior que o quatro que tu te encontras. Continua a crescer até que cidada onde tu vives seja pequena debaixo dos teus pés. Vê o continente em ponto comparado com o teu corpo majestoso. A terra é pequena aos teus pés, mas não interessa o quanto pequena seja a interessa, ela ainda está firme e sólida debaixo dos teus pés, prende-te ao chão. Tu não flutuas.
Depois visualiza-te a cresceres tanto de forma a que os planetas do nosso sistema solar são como berlindes ao pé de ti.
Agora visualiza um ponto de luz vindo de algum lado acima da tua cabeça.
Esse pequeno ponto de luz é uma esfera branca brilhante de luz ofuscante, infinita e ilimitada que pulsa sobre a tua cabeça.
Se tu visses a totalidade do brilho desta luz tu poderias imediatamente chegar e possivelmente ficar maluco. Ela é mais brilhante que dez sóis.
Aponta para a esfera acima da tua cabeça com o teu athame ou com os dois dedos da mão (indicador e médio), e traz-a para baixo (por apontares) para a tua testa.

Cruz cabalística



i. Enquanto com os dois primeiros dedos da mão (indicador e médio estendidos e os outros fechados )tocas a testa entre e ligeiramente acima das sobrancelhas, visualize uma linha de brilho, luz branca brilhante que vêm de cima e entra no teu corpo e criando uma esfera de luz nesse ponto.
Vibre "Ateh" (pronúncia aa-tah, significa À Ti ),
Fica consciente do teu eu mais interior que reside dentro de ti*

ii. Abaixe a mão até o sexo e toque-o, enquanto faz esse percurso, visualize uma linha de luz brilhante indo acompanha o movimento dos seus dedos estendendo-se até e através dos teus pés e para baixo fecundado a mãe-terra (representa o troço de baixo da cruz).
Vibre "Malkuth" (pronúncia "Mal-koot " , significa O Reino ),
Fique consciente do seu corpo, e sinta a vibração nas virilhas estendendo-se para baixo.


iii. Levante a sua mão e toque o seu ombro direito, visualizando uma esfera de luz emergindo lá.
Toque o ombro direito e diga "ve-Geburah" (pronúncia "vih gebooRAH",significa "e o Poder" ),
Fique consciente do seu poder, da esfera de luz. Fique consciente da vibração se expandindo até os confins do universo.

iv. Desenhe uma linha desde o seu ombro direito até o seu ombro esquerdo e visualize outra esfera de luz emergindo lá.
Tocando o ombro esquerdo diga "ve-Gedulah" (pronúncia "vih gedooLAH", significa "e a Gloria"),
Fique consciente do seu poder, da esfera de luz. .Fique consciente da vibração se expandindo até os confins do universo.

v. Junte as mãos como se tivesse a rezar no peito Visualize um cruz branca brilhante de luz inscrita através do teu corpo- da cabeça aos pés e de ombros para ombros (representado a cruz completa).
Vibre "le-Olahm", (pronunciado "Lih·Oh-LAHM, Ah-MEN", significa "para todas as Eras, assim seja" ou algo como "para eternidade"). Aponta o athame ou traz a mão de volta para peito e diz "AUM" .
O praticante deverá também visualizar toda energia de harmonia e equilíbrio no centro de seu peito ao mantrar a palavra.


Isto é a tudo representa a cruz kabalista, significa (À Ti O REINO e o Poder e a Gloria para todas a Eras, assim seja) Qualquer semelhança com o cristianismo não é mera coincidência.
Jesus diz aos seus discípulos para rezarem com estas palavras.

Desenho dos pentagramas





NOTA: O quanto inferior esquerdo corresponde ao elemento Terra, e como é o banimento do elemento terra a seta
está a apontar para fora. Se fosse a invocação do pentagrama com elemento terra a seta começaria por apontar para dentro na direcção do elemento terra.
No ritual do menor pentagrama só se usa o elemento Terra, e os pentagramas devem ser vistos de cor branca brilhante.


vi. Vire-se para o Leste, e inale o máximo de ar que puder.
Depois avance com o seu pé esquerdo para frente e desenhe um pentagrama (o da Terra ) com a arma mágica (quem não tiver, faça com o dedo) apropriada (Bastão ou Athame é mais comum).
Enquanto vai desenhado o pentagrama exale e vibre ao mesmo tempo o nome "YHVH" (pronuncia-se Yud-Heh-Vahv-Heh) e sinta a energia passando através do pentragrama até os confins do universo.


vii. Virando para o Sul, da mesma maneira, porém vibre "ADONAI!" (pronuncia-se Ah-doh-nye).

viii. Virando para o Oeste, da mesma maneira, porém vibre "EHEIEH!" (pronuncia-se Eh-Heh-YEH).

ix. Virando para o Norte, da mesma maneira, porém vibre "AGLA!" (pronuncia-se AH-Glah)
Caso o magistra não tenha percebido, ele está girando no sentido horário.

x. Abrindo os braços na forma de cruz diga,

xi. "A minha frente Raphael;/Before me Raphael " (Do elemento ar, visualize uma figura de luz branca brilhante em frente com espada fina extrema leveza com um robe a abanar ao vento, e sinta o frio que vem da figura )

xii. Atras de mim Gabriel; (Do elemento ar, visualize um figura de luz branca rodeado por cascatas, segurando um cálice na mão)


xiii. A minha direita, Michael /In my Right Michael; (Do elemento fogo, visualize uma figura de luz branca brilhante segurando uma espada flamejante e sinta o calor que vêm dessa direcção)

xiv A minha esquerda, Auriel;/ In my Left Auriel" (Do elemento terra, visualiza uma figura de luz branca brilhante rodeada de luz uma cenário de imensa fertilidade)

Como os elementos são 4, o magista, ao centro, será a 5ª parte do pentagrama, o espírito.

xv Repetir cruz cabalistica, desta vez expadindo a luz a partir do hexagrama brilhante.


xv. "Pois ao meu redor flamejam os Pentagramas/ Around me flame the pentagrams,

xvi. "E sobre mim brilha a Estrela de Seis Raios"/And above me shines the six-rayed star (imagina um hexagrama de cor brilhante dourado a brilhar sobre a tua cabeça)

Exemplo quase perfeito do ritual do menor do pentagrama:


Esquema que demonstra como se enquadram os elementos relativamente as pontas do pentagrama:

avatar
Malux
Mestre
Mestre

Moderador | Mérito Qualidade |
Masculino

Número de Mensagens : 285
Reputação : 8
Pontos : 391
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Admin em Ter Out 19, 2010 10:51 pm

Olá caro Malux,

Aprecio a sua diversidade e ecletismo!
De facto nunca pratiquei este ritual, creio que faça parte da Thelema ou estarei a fazer confusão?
Obrigado por partilhar os seus conhecimentos, são bastante apreciados Smile

Cumprimentos,

___________________________________
Admin
avatar
Admin
Serpentis Ovi
Serpentis Ovi

Masculino

Número de Mensagens : 1205
Reputação : 67
Pontos : 5163
Humor : Administrador
Localização : Sintra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Duarte em Ter Out 19, 2010 11:00 pm

eish! :s é mto complicado! dve fazer feitos potentes! Very Happy
avatar
Duarte
Aprendiz de Mestre
Aprendiz de Mestre

Masculino

Número de Mensagens : 118
Reputação : 3
Pontos : 136
Humor : muito!xD
Localização : Leiria

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Malignum em Ter Out 19, 2010 11:08 pm

Boas Malux,
Antes de mais agradeço ter partilhado connosco o seu conhecimento.
Pessoalmente desconhecia certos procedimentos que apresentou sobre o pentagrama, outros aspectos que conheço estamos concordantes.

Cumprimentos.

avatar
Malignum
Magistral
Magistral

Mérito Mensal |

Masculino

Número de Mensagens : 698
Reputação : 70
Pontos : 1128
Humor : Do melhor (segundo opiniões)
Localização : Sintra

http://www.fomi.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Malux em Ter Out 19, 2010 11:19 pm

Vladions escreveu:Olá caro Malux,

Aprecio a sua diversidade e ecletismo!
De facto nunca pratiquei este ritual, creio que faça parte da Thelema ou estarei a fazer confusão?
Obrigado por partilhar os seus conhecimentos, são bastante apreciados Smile

Cumprimentos,

Assim seja, é optimo haver diversidade porque há sempre trocas entre ambos lados e assim tornamos-nos um ser mais completo.
Não o ritual não é da Thelema, ele foi criado pela Golden Dawn embora muitas ordens posteriores o usem.
A Golden Dawn teve entre os seus membros os maiores expoentes de magia época como teve entre seus membros os maiores expoentes da magia da época, Dion Fortune, Israel Regardie,S.L. MacGregor Mathers, Aleister Crowley, Austim Osman Spare, W.B. Yeats, entre muitos outros.
Os três primeiros anos do neófito na Golden Dawn era dedicados a apenas dominar 1 ou 2 rituais, e este era um desses rituais.
Mas vale dominar o básico, do que se perder no mais que fundamental.

Tenho aqui uma história que vi a uns tempos que vêm a propósito, que espero que sirva para inspirar todos no fórum como me inspirou a mim:

"Nas artes marciais, quando um tipo perde uma luta, muitas vezes sua reacção é algo como “Se eu ao menos soubesse o golpe das tesouras voadoras mortais
giratórias reversa, eu teria vencido! Eu preciso aprender ele agora!”
Um mau treinador irá ensinar o golpe das tesouras voadoras mortais giratórias reversa, e o sujeito vai sair feliz da vida, porque ele *pensa* que resolveu o
problema. Na verdade, o golpe não o fez nenhum bem e ele continua a perder.
Um bom treinador irá reconhecer este impulso humano natural de tentar e descobrir os defeitos e atribui-los a alguma técnica que nós não conhecemos.
Ele então vai dizer a seu estudante a verdadeira razão de ele ter perdido — o outro tipo era maior, mais rápido, mais forte, e fazia os básicos muito melhor.
Resumindo, ele tinha dominado os seus FUNDAMENTAIS muito melhor.

Tipicamente, o estudante não quer ouvir isso. Ele repetiu esses 'fundamentais' estúpidos centenas de vezes, e ele acha que já dominou todos.
Mas, embora ele talvez tenha dominado eles em um nível intelectual, leva muito mais do que centenas de vezes para realmente domina-los.
Leva milhares de vezes.
A única coisa que realmente vai ajuda ele é repetir esses 'fundamentais' muitas outras vezes, até que ele REALMENTE os domine.

Na magia, é a mesma coisa. Os aprendizes atribuem falha à falta de conhecimento de alguma feitiço avançado, mas este raramente é o caso.
Na maioria das vezes, é a falta do verdadeiro domínio dos 'fundamentais'.
Muitas pessoas não se esforçam para dominar coisas básicas como o ritual menor do pentagrama, desenvolvimento do poder de visualização, habilidade
concentração e entrega ."




avatar
Malux
Mestre
Mestre

Moderador | Mérito Qualidade |
Masculino

Número de Mensagens : 285
Reputação : 8
Pontos : 391
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Admin em Ter Out 19, 2010 11:48 pm

Obrigado pelo esclarecimento caro Malux,
E tenho que reconhecer a bela sabedoria da pequena alegoria que narrou Wink

Abraço

___________________________________
Admin
avatar
Admin
Serpentis Ovi
Serpentis Ovi

Masculino

Número de Mensagens : 1205
Reputação : 67
Pontos : 5163
Humor : Administrador
Localização : Sintra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Matilde em Qui Out 21, 2010 12:03 am

Olá,
Desculpem a minha burrice :s mas para que serve mesmo o ritual? Embarassed
avatar
Matilde
Aprendiz de Mestre
Aprendiz de Mestre

Feminino

Número de Mensagens : 103
Reputação : 2
Pontos : 181
Humor : A pureza de coração é inseparável da simplicidade e da humildade.
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Areons em Qui Out 21, 2010 2:19 pm

Kadra
Matilde escreveu:Olá,
Desculpem a minha burrice :s mas para que serve mesmo o ritual? Embarassed

Penso que seja um ritual de protecçao matilde.

Realmente tambem nao tinha conhecimento deste ritual, mas achei alguns aspectos interessantes.
avatar
Areons
Mestre
Mestre

Mérito Guia | Mérito Mensal |

Mérito Rápido |
Masculino

Número de Mensagens : 391
Reputação : 9
Pontos : 852
Humor : aceitavel a certas horas do dia
Localização : Sintra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Malux em Qui Out 21, 2010 9:51 pm

Duarte a simbologia do ritual é realmente mais profunda do que se
possa pensar, mas o ritual em si é simples de se efectuar.
Se repares o video do youtube que coloquei têm apenas 3 minutos.

MALiGNUM realmente alguns dos procedimentos que apresentei nao
sao absolutamente necessários, mas para mim sao um complemento.



Apesar deste realmente ser mais conhecido como meio de protecção
na comunidade mágicka, ele é mais do que um simples ritual
de protecção.


Aleister Crowley disse sobre o ritual menor do pentagrama

"Aqueles que consideram este ritual como um mero dispositivo para
invocar a banir espiritos, são indignos de possui-lo.
Devidamente compreendido, é a Medicina dos Metais, a Pedra dos Sábios
."

Israel Regardie escreveu que se alguém não fizesse nada
mais a nao ser o ritual menor do Pentagrama e o Exercicio
do Pilar do Meio (uma espécie de kundalini ocidental ensinada pela
Golden Dawn), esse alguém poderia atingir a completa iluminação.


O ritual menor do pentagrama têm vários usos, indepedentemente
da razão porque estás a fazê-lo, as outras facetas do ritual
manifestam-se automaticamente em maior ou menor grau.


Compreendo perfeitamente que nao compreendam o ritual em si,
porque têm muito simbolismo e secalhar ao tentar explicar
em mais pormenor mais confudi do que ajudei.

Vou tentar agora ser mais claro.


O ritual por si é uma maneira convencional de traçar o circulo mágicko.
Tu giras em sentido circular e chamas para teu lado os guardioes
dos quatro cantos do universo.
Álias aconselho a visualizarem o traço do circulo, enquanto
traçam os pentagramas.

Ao trazeres a energia de kether invocas o teu Eu superior/divino,
e espalhas de maneira harmoniosa essa energia pelo teu corpo atravês
da cruz cabalistica.

Se reparares no ritual tmb fazes uso de 4 chackras (sítios
por onde o teu captas e transmites energia),
Utilizas o chacra por cima da tua cabeça Sahasra (lotu de mil petalas)
, como também Om (na testa entre as sobrancelhas) e o
ANAHATA (no peito), e SWADHISTANA (na zona do teu orgão sexual).


Por isso, neste ritual apreendes a trabalhar com a energia vital
do teu corpo.
Esse é o teu trabalho com o teu corpo de luz, o teu corpo mais
subtil.

Ele também equilibra o teu corpo, se leres com atenção podes ler
nas entrelinhas de que tipo de equilíbrio falo em Liber Librae
http://hadnu.org/liber-librae-o-livro-do-equilibrio .

Esses sao os propositos gerais e na minha opiniao os mais importantes.
Esses sao propositos para obter efeitos a logo a prazo, nao com
propositos de criares uma mudança no exterior mas uma mudança em ti.



Depois há outros efeitos mais especificos que sao centrados a causar
mudança no momento.
Eles podem ser dividos conforme o ritual for de invocaçao ou de
banimento.


O ritual quando traçado para banimento, é duplamente um ritual
protector e purificador.
Quando começamos a entrar num ambiente as energias estão impuras,
por isso precisamos de bani-las para no seu lugar colocar
energias puras diante do teu proposito.

Mas Tu não só purificas o ambiente em redor de ti, tu também purificas
e equilibraste a ti.
Com ritual e banimento podes te livrar de maus pensamentos, e até
te ajuda a dormir melhor.

Assim um dos principais usos do ritual de banimento é antes
fazê-lo sempre antes de fazer qualquer operação mágicka.

Quando o ritual é traçado para invocação, o ritual ilumina-te
no plano astral e atrai todo tipo de coisas com essa luz.
Se tu queres invocar um espirito, faz o ritual de invocaçao
para facilitares o processo.
Se fazes meditaçao sobre um foco, faz o ritual de invocaçao para
receberes informaçao.
Tu com ritual de invocaçao até trazes para esfera de sensaçao
energia proviniente do nomes divinos e dos arcanjos.

Golden Dawn recomenda fazer o ritual de invocaçao de manha
e de banimento a noite, é avisado nao fazer o ritual e invocaçao
a noite porque talvez abre canais atrais que sao melhor ficarem
fechados.
Relembro que essa afirmaçao talvez se deva a noite ser momento
vulneravél a ataques mágickos, quando a tua mente consciente
está adormecida e o teu corpo inconscientemente as vezes vai
viajar pelo plano astral.


Pensa no ritual e banimento como o contrario da invocaçao e
vice-versa.


avatar
Malux
Mestre
Mestre

Moderador | Mérito Qualidade |
Masculino

Número de Mensagens : 285
Reputação : 8
Pontos : 391
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Areons em Sex Out 22, 2010 1:53 pm

Obrigado caro Malux fiquei mais esclarecido Smile
avatar
Areons
Mestre
Mestre

Mérito Guia | Mérito Mensal |

Mérito Rápido |
Masculino

Número de Mensagens : 391
Reputação : 9
Pontos : 852
Humor : aceitavel a certas horas do dia
Localização : Sintra

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Malignum em Sex Out 22, 2010 8:28 pm

Boas Malux,

Fiquei mais esclarecido com esta sua última intervenção.
Pessoalmente recorro a outros procedimentos para protecção mas não deixo de achar interessante o que nos apresentou.
Tinha pouca informação sobre a Golden Dawn no geral, fiquei a saber umas coisas, obrigado.

Gada Hamun!
avatar
Malignum
Magistral
Magistral

Mérito Mensal |

Masculino

Número de Mensagens : 698
Reputação : 70
Pontos : 1128
Humor : Do melhor (segundo opiniões)
Localização : Sintra

http://www.fomi.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Nomes Divinos e Quadrantes

Mensagem  Frater999 em Ter Fev 01, 2011 4:36 pm

Saberia relacionar cada Nome Divino usado no Rmp com os quadrantes? Apesar de Crowley colocar o magista neste ritual entre Samekh e Phe, as associações dos Nomes não se encaixam, nessa prisma, só os Arcanjos.

Obrigado
avatar
Frater999
Primitivo
Primitivo

Masculino

Número de Mensagens : 2
Reputação : 0
Pontos : 2
Localização : Resende RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Malux em Qua Fev 02, 2011 4:36 pm

Olá, vou tentar explicar pela melhor forma segundo o meu entendimento.

No ritual menor do pentagrama, fazemos dois formatos de cruz.
Primeiro uma cruz "horizontal", onde começamos a estabelecer o contexto do ritual e trabalhar com forças mais abstractas.
É a fase preparatório para o que se segue.
Depois de seguida fazemos uma cruz "vertical", onde traçamos os pentagramas e invocamos
os nomes divinos em cada direcção.
Este trabalho em si, é feito com energias mais concretas, com esferas da árvore da vida mais concretas.
Estas direcções cardeais não têm nada a ver com os elementos em si, mas sim antes com a energia de contacto entre os opostos que a cruz representa e com a ordem de sentido que se segue.
O sentido que se segue, a direcção, e posição que se toma não pode ser interpretada individualmente, mas apenas
toma sentido quando inserido no contexto do ritual e em contraste com os movimentos prévios.

Cada ritual é como fórmula matemática, em que juntamos determinadas variáveis encaixadas entre si numa certa lógica
para atingir determinado fim. É como uma partida de xadrez, as peças e as casas por si são poucas, mas combinações possíveis são imensas.

Por exemplo, no ritual trabalhamos com diferentes níveis de experiência simultaneamente.
A postura e gestos correspondem a corpo fisico,
a respiração e vibração dos nomes divinos (vibraçao também é uma forma de manipulação de energia) correspondem ao corpo etérico,
a visualização corresponde ao corpo astral,
a geometria (presentes em elementos pentagrama, hexagrama) e números correspondem ao corpo mental.

Então o ritual deve ser interpretado analise na totalidade o conjunto dos elementos e das suas combinações sequenciais.

Na formação da primeira cruz "horizontal", estabelecemos um contacto entre forças um tanto opostas, entre Kether
e Malkuth, depois entre Geburah e Chesed, e acabamos por reuni-las em equilíbrio centrado-nos em Tipharet,
o centro.

Depois na segunda cruz "vertical", vamos expandir todo esse equilíbrio a nível mais concreto.
O fim da última cruz é o início da segunda cruz, portanto começamos em Tipharet e vamos rodado em sentido circular
até atingir Tipharet novamente.
Se olhares para árvore da vida e vires sobre determinado prisma, Yesod encontra-se atrás de Tipharet.
Nós começamos em Tipharet, rodamos para Hod, depois para Yesod, depois para Netzach e finalmente voltamos a Tipharet novamente.



Pode parecer que estamos a rodar no sentido inverso mas não, na árvore da vida a direita está trocada com
a esquerda, tal como o lado esquerdo cérebro controla o lado direito do corpo e o lado direito
do cérebro controla o lado esquerdo do corpo.


Os nomes divinos?

Eles é como se correspondem a parte espiritual do corpo, representam conceitos quase indefiníveis por palavras.

Nós começamos por pronunciar YHVH em Tipharet, que é visto como nome mais divino, inpronunciável de Deus que significa “Eu sou o que sou", referencia todos 4 elementos em si (Yod=Fogo, Heh=Água, Vav=Ar, Heh= Terra).
Porque este nome é relacionado a "leste"?
Porque o este é lugar tradicional da luz, do amanhecer (dawn ) e da divinidade.
Assim é normal que seja usada associada esta posição com Tipharet, o sol.


Se olharmos rapidamente para o lado oposto, cada nós voltamos para Yesod, a Lua, e pronunciamos
o nome divino "eh-ei-eh" podemos ver uma relação directa.
Estamos na posição oeste, que é o lugar onde cresce a escuridão (onde o sul se põe e diminui),
o recanto menos desprotegido por onde pode entrar o descontrolo e desequilibro.
"Eh-ei-eh", nome divino de Kether a mais alta esfera, é empregado para se manter sobre controlo a escuridão
pode vir de oeste.
No ritual do pilar do meio, começamos exactamente com a vibraçao do nome "eh-ei-eh" para invocar
as energias de Kether.


Em relação as outras duas posições e nomes divinos, também formas de equilibrar e sintonizar na devida
frequência a força das esferas em ti.
O objectivo do ritual menor do pentagrama e muitos outros, é utilizares o teu corpo como um talisma,
e carrega-lo com todos aspectos e tipos de poderes presentes no universo, que depois podem
ser dirigidos para qualquer propósito imaginável.

A propósito os nomes divinos não são referencia a nenhum Deus exterior, mas as diferentes aspectos
do nosso Deus interior.
A própria árvore da vida, representa o homem em todas suas facetas.
No ritual menor do pentagrama desenvolvemos o nosso cristo, para entrar em contacto com o nosso
"Eu" divino.
Eu acredito que a verdadeira magia deve ser voltada para o potencial humano.




___________________________________
"Ó homem, conhece-te a ti mesmo e conhecerás os deuses e o universo"
avatar
Malux
Mestre
Mestre

Moderador | Mérito Qualidade |
Masculino

Número de Mensagens : 285
Reputação : 8
Pontos : 391
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Elementos Hemisfério Sul

Mensagem  Frater999 em Ter Fev 08, 2011 4:41 pm

Muito obrigado, sua interpretação me ajudou a entender muito.A questão de trazer a luz do Eu Sou para a esfera do Oeste, Yesod, é também muito interessante pois o plano astral, da ilusão, ao meu ver, é muito difícil de se trabalhar quando estamos despertos, e essa luz de kether para yesod ilumina o plano em si.

Tenho outra dúvida que ficaria feliz se pudesse me ajudar: ao invocarmos os Arcanjos entramos em contato com os elementos relacionados aos pontos cardeais

Rafael - Ar - Leste
Michael - Fogo - Sul
Gabriel - Água - Oeste
Auriel - Terra - Norte

Estes elementos são definidos pelos ventos que sopram dessas direções.No Hemisfério Norte, o Sul é o Calor do Meio Dia, por isso deve ser relacionado ao fogo, correto?

No entanto se observarmos o ciclo do Sol no Brasil, ele estará ao Norte no Meio dia e nao no Sul.Essa relação não deveria ser trocada então? Sul Terra e Norte como Fogo? Ou que importa é somente o simbólico, o que estabelecemos para o inconsciente, independente das condições?

avatar
Frater999
Primitivo
Primitivo

Masculino

Número de Mensagens : 2
Reputação : 0
Pontos : 2
Localização : Resende RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Malignum em Ter Fev 08, 2011 10:22 pm

Frater999 escreveu:Muito obrigado, sua interpretação me ajudou a entender muito.A questão de trazer a luz do Eu Sou para a esfera do Oeste, Yesod, é também muito interessante pois o plano astral, da ilusão, ao meu ver, é muito difícil de se trabalhar quando estamos despertos, e essa luz de kether para yesod ilumina o plano em si.

Tenho outra dúvida que ficaria feliz se pudesse me ajudar: ao invocarmos os Arcanjos entramos em contato com os elementos relacionados aos pontos cardeais

Rafael - Ar - Leste
Michael - Fogo - Sul
Gabriel - Água - Oeste
Auriel - Terra - Norte

Estes elementos são definidos pelos ventos que sopram dessas direções.No Hemisfério Norte, o Sul é o Calor do Meio Dia, por isso deve ser relacionado ao fogo, correto?

No entanto se observarmos o ciclo do Sol no Brasil, ele estará ao Norte no Meio dia e nao no Sul.Essa relação não deveria ser trocada então? Sul Terra e Norte como Fogo? Ou que importa é somente o simbólico, o que estabelecemos para o inconsciente, independente das condições?


Saudações Frater999

Segundo o que sei (ou penso saber na minha humilde ignorância) é que o valor simbólico não se altera, respeitante à relação simbólica que apresentou, por se estar no hemisfério sul ou norte.
O que se altera são datas das celebrações tradicionais e as características cardeais na prática esotérica, adequando-as então ao hemisfério onde se encontra.

Gada Hamun!
avatar
Malignum
Magistral
Magistral

Mérito Mensal |

Masculino

Número de Mensagens : 698
Reputação : 70
Pontos : 1128
Humor : Do melhor (segundo opiniões)
Localização : Sintra

http://www.fomi.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Malux em Qua Mar 30, 2011 7:35 pm

Como em breve irei fazer um tópico do ritual pilar do meio, decidiu desenvolver aspectos que não cobri.
Cada coisa a sua tempo, o ritual menor do pentagrama é como passo anterior ao ritual do pilar do meio.~
É uma espécie de requisito necessário fazer o ritual do pentagrama durante meses,
para purificar e limpar a esfera do indivíduo para que as energias superiores se possam manifestar de forma
ordeira no ritual do pilar do meio.
No entanto as regras não precisam ser cumpridas a risca, mas fica o aviso que segundo as próprias palavras do Israel
Regardie sem o preparação necessária podem até acontecer consequências desastrosas.

Mais sobre o banimento.

Há quem diga que ele apenas é focado a dissolver da mente as qualidades e sensaçoes desnecessários ego.
Outros fazem referência a ele apenas como meio de remover energias exteriores que se formam no ambiente.
Nenhuma das opções está correcta, porque banimento é duplamente interior e exterior.
Tu estás a banir as energias da tua aura de influência ou esfera de sensação.
Ora a aura afecta a tua mente, como também afecta o que vêm até ti.
Os dois não podem ser dissociados.
O mundo está em ti, e tu estás em todo mundo.


Explicação cruz cabalística do Ritual do Pentagrama

Quando dizes atah estás a fazer referência ao teu Eu Superior ligando-o a essência divina que vêm de cima de ti.
Quando dizes Malkuth estas a fazer referencia ao teu corpo.
Ha linhas espirituais que prestam apenas atençao a consciência, enquanto há outros sistemas prestam
apenas atençao a mudanças subtis do corpo.
Nesta linha linha, o ritual menor do pentagrama procura trabalhar com ambos aspectos,
até porque certos principios espirituais ou nem tanto, se encontram relacionados com certas
partes do corpo.
Pode ser exemplo, emoção é relacionada com o coração, razão com a cabeça e paixao com genitais.
O ritual começa na cabeça porque é a raiz de consciência do homem.

Cada antes do ritual nós visualizamos a aumentar tamanho, é representação simbolica para indicar que a nossa esfera
de consciência se está a expandir.
No entanto, o teu pés mantêm-se fixos no planeta Terra.
Uma espiritual não têm propriamente de significar elevar a cabeça nas nuvens, e perder a presença terrena.
Tu estás no ceú e na terra ao mesmo tempo, trabalhas com todos niveis de existência.

Ne forma resumida no ritual uma ponta é formulada entre o consciente e a mente inconsciente, permitindo a mente ter acesso
a essência divina.

No ritual tu ligas todos os níveis de existência, o divino, o mental, o astral, o etherico e o material.


Quando vibras nomes divinos não precisa ser forçamente alto, mas um sentimento deve permear todas celulas e norvos do teu
corpo, todos atómos e celulas devem tornar-se vivos e em estado de rápida vibração.
Assim tu vibras numa área em especifico, mas essa vibraçao se propaga pelo corpo todo.
Aqui também se aplica o principio do "fenomeno" chamado ressonância harmónica, que diz que se um objecto começar a vibrar forte suficiente,
todos objectos por perto irão começar a vibrar ou ressonar com o primeiro.
Quando vibras os nomes divinos, tu ressonas com o divino.
Existe uma teoria que todas células do corpo são renovadas a cada 7 anos, e tu cada vez fazes a tecnica vibratória tas
a imprimir novos padrões no teu corpo, destruindo velhas celulas e imprindo novas, que se adequem ao teu Eu Superior.


Quando fazes referencia Geburah estás a fazer invocar as energias extremas de Geburah,
por outro lado quando dizes Gedolah estás a invocar as energias opostas de Chesed.
Por fim, balanças essas energias no corpo com simbolo de equilibrio e contacto entre opostos, a cruz,
no teu centro que corresponde a Tipharet.

Se queres aumentar a eficácia do ritual do pentagrama certifica-te que executas de forma optima os seguintes pontos básicos:
1 Fazer um exercicio de relaxamento antes do ritual *1
2 Respiração rítmica
3- Habilidade de Visualização desenvolvida *1
4- Familiaridade com as esferas da arvoré da vida.
5- Vibração correcta dos nomes divinos
6 - Desenvolvimento da sensibilidade para sentir as energias no corpo e o seu movimento
7- Que o executas de forma frequente, de preferência diariamente

*1 Existem milhares, pesquisem e achem o que melhor se enquadra convosco.
*2 Uma respiração incorrecta é aquela em que apenas uma pequena parte do interior do corpo entra em contacto com ar. O máximo do teu interior deve "ser tocado pelo ar" de forma suave como um balão )
3* Um segundo passo quase necessário para o obter o máximo proveito do ritual, é passar a fazer o ritual todo mentalmente, e isso pode ajudar bastante para o desenvolvimento da visualização.
4* Cabala é uma ferramenta indispensavél para um mago que siga a linha hermética, talvez seja a primeira ferramenta que ele deve apreender. Assim leiam o máximo sobre diferentes esferas da arvoré da vida, e em vez quando meditem sobre elas para entrarem em contacto com as suas forças.
5 * Explicado parcialmente em cima.
6* Existem várias praticas focadas na consciencialização do corpo como as praticas de Chi Gung e Tai Chi - procurem. O livro Energy Work de Robert Brucee é o livro perfeito para desenvolver esta habilidade.
7* No pain, no gain.






___________________________________
"Ó homem, conhece-te a ti mesmo e conhecerás os deuses e o universo"
avatar
Malux
Mestre
Mestre

Moderador | Mérito Qualidade |
Masculino

Número de Mensagens : 285
Reputação : 8
Pontos : 391
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  marcelomelloramos em Seg Ago 08, 2011 11:03 am

Gostei muito deste ritual, vi vários aqui neste fórum, vou analizar cada um deles e me aventurar a realizá-los. Agradeço muito por compartilhar.
avatar
marcelomelloramos
Primitivo
Primitivo

Masculino

Número de Mensagens : 2
Reputação : 0
Pontos : 4
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Pentagramas de Fogo

Mensagem  Dunamis em Sab Set 03, 2011 1:17 pm

Uma dúvida que sempre tive sobre esse ritual...

Quando visualizamos as figuras angelicas, após fazer os pentagramas, devemos manter a visualização dos pentagramas enquanto visualizamos os anjos? Ou devemos simplesmente imaginar apenas os anjos?

Aprendi a fazer esse ritual nos livros de Regardie e não lembro dele ter falado sobre isso.
avatar
Dunamis
Primitivo
Primitivo

Masculino

Número de Mensagens : 3
Reputação : 0
Pontos : 3
Localização : DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Malux em Sab Set 03, 2011 5:45 pm

Dunamis escreveu:Uma dúvida que sempre tive sobre esse ritual...

Quando visualizamos as figuras angelicas, após fazer os pentagramas, devemos manter a visualização dos pentagramas enquanto visualizamos os anjos? Ou devemos simplesmente imaginar apenas os anjos?

Aprendi a fazer esse ritual nos livros de Regardie e não lembro dele ter falado sobre isso.

Acho que não é um ponto muito crucial, tanto faz. A parte mais importante da visualização dos pentagramas é mesmo início, quando os estás a construir astralmente.


___________________________________
"Ó homem, conhece-te a ti mesmo e conhecerás os deuses e o universo"
avatar
Malux
Mestre
Mestre

Moderador | Mérito Qualidade |
Masculino

Número de Mensagens : 285
Reputação : 8
Pontos : 391
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Entendo

Mensagem  Dunamis em Ter Set 06, 2011 1:29 pm

Apesar de ser uma coisa muito simples, sempre ficava um pouco em dúvida sobre isso...

Mais uma dúvida, aproveitando que você entende do assunto, o Ritual Supremo do Pentagrama pode ser usado para banir também? E, em quais situações tem valia, no Ritual Menor do Pentagrama, realizar o banimento dos outros elementos (no lugar da terra)?
avatar
Dunamis
Primitivo
Primitivo

Masculino

Número de Mensagens : 3
Reputação : 0
Pontos : 3
Localização : DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Malux em Ter Set 06, 2011 8:47 pm

Dunamis escreveu:Apesar de ser uma coisa muito simples, sempre ficava um pouco em dúvida sobre isso...

Mais uma dúvida, aproveitando que você entende do assunto, o Ritual Supremo do Pentagrama pode ser usado para banir também? E, em quais situações tem valia, no Ritual Menor do Pentagrama, realizar o banimento dos outros elementos (no lugar da terra)?


Pode sim.

O ritual menor do pentagrama tradicionalmente é só usado com o elemento terra o que significa que quando fazes um banimento tencionas fazer um banimento geral sem "muita profundidade".

Ele é mais um exercicio de treino e balenceamento para os neofitos ou para trabalhos menos importantes.
A própria Golden Dawn faz ele parecer mais do que ele é, e eu secalhar até fiz ele parecer mais do que ele é neste post.

"Israel Regardie escreveu que se alguém não fizesse nada mais a nao ser o ritual menor do Pentagrama e o Exercicio do Pilar do Meio (uma espécie de kundalini ocidental ensinada pela Golden Dawn), esse alguém poderia atingir a completa iluminação.
" -> que exagero Regardie Laughing

Se queres invocar um força elemental especifica (ou até todas ao mesmo tempo) utilizas ritual o supremo do pentagrama.
No ritual supremo do pentagrama o simbolismo é mais rebuscado (traduzido mais difícil) e esta é uma das razões porque é mais "potente".
Uma das diferenças para acentuar o simbolismo é que utilizas cores representar os elementos e em cada pentagrama elemental desenhas um símbolo correspondente ao elemento.
Ver Aqui os símbolos:
http://www.livingwithmagick.com/magick/sirp.php


Também existe uma versão dos rituais da Golden Dawn para Thelema, o movimento fundado por Crowley.
O Grande Ritual do pentagrama é a versão do Ritual Supremo do Pentagrama que Crowley adaptou a thelema.

Um exemplo pratico.
Imagina que fazes um talismã com o elemento água, então fazes um ritual supremo de invocação do pentagrama do elemento água e posteriormente fazes um banimento com ritual supremo de banimento do pentagrama do elemento água.

___________________________________
"Ó homem, conhece-te a ti mesmo e conhecerás os deuses e o universo"
avatar
Malux
Mestre
Mestre

Moderador | Mérito Qualidade |
Masculino

Número de Mensagens : 285
Reputação : 8
Pontos : 391
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Dunamis em Qua Set 07, 2011 4:40 am

Muito obrigado pela resposta, ela foi bem esclarecedora!

Fique em Paz companheiro!
avatar
Dunamis
Primitivo
Primitivo

Masculino

Número de Mensagens : 3
Reputação : 0
Pontos : 3
Localização : DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ritual Menor do Pentagrama

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum